Os Libertados – Parte três – Respeito ao Ídolo

A equipe atleticana sofreu para vencer o time boliviano, principalmente no primeiro tempo. Os bolivianos, mostraram um futebol defensivo consistente e levavam perigo no contra ataque. Mas o Galo assumiu a postura de mandante e mandou no jogo, fez o suficiente para chegar a terceira vitoria na competição com gols de Jô e Ronaldinho Gaúcho de pênalti e Melgar descontou para a equipe do The Strongest.

O Galo chegava a 27ª partida seguida sem derrota na Arena Independência e mantinha a invencibilidade do estádio desde da reinauguração.

Respeito ao ídolo

(Olé Argentina)

A devoção dos jogadores do The Strongest ao craque Ronaldinho Gaúcho era visível já no começo da partida. Vários cumprimentaram o craque R10, o lateral Torrico chegou a fazer até uma reverência.

https://www.youtube.com/watch?time_continue=56&v=HlfJSoMs8q8

O lance mais inusitado aconteceu assim que o arbitro apitou o término do primeiro tempo. Ronaldinho Gaúcho foi cercado pelos jogadores bolivianos, que queria trocar camisa com o craque. O felizardo foi Pablo Escobar, que disfarçou a felicidade.

Gols da Partida – Atlético Mineiro 2 x 1 The Strongest

Melhor em Campo –  Ronaldinho Gaúcho

(AP Imagens)

Vamo Galo!!!

 

Deixe seu comentário:

Hiago Andrade

Bacharel em Ciência da Computação, Analista e estudioso futebolístico. Torcedor do Clube Atlético Mineiro.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.