Entrevista com Bruno Smith, do Nova Iguaçu.

O meia Bruno Smith, atualmente jogador do Nova Iguaçu, concedeu entrevista ao site Mercado do Futebol, confira o que disse o jogador:

 

1- Bruno, o início de uma carreira como jogador de futebol nem sempre é algo fácil, quais foram as maiores dificuldades que você enfrentou ao decidir seguir essa profissão?

R: Realmente é muito difícil no começo, mas pra mim não foi muito difícil, tive uma base muito boa que foi o Desportivo Brasil, que sempre me ofereceu as melhores condições!

 

2- Passou por diversas equipes, qual o melhor momento da sua carreira até aqui? Quem sempre foi sua inspiração no futebol?

R: Acredito que o melhor momento que tive foi no Internacional de Porto Alegre, minha inspiração no futebol sempre foi o Espanhol Iniesta.

 

3- Como foi jogar fora do Brasil? Acredita que ir para a Europa é uma experiência fundamental para a carreira de um jogador?

R: Uma experiência não muito boa, fui vendido com 17 anos para o Twente da Holanda, não estava preparado com aquilo, não tive o suporte familiar que deveria ter naquele momento, sofri bastante, mas nada com o clube, pessoalmente mesmo.

 

4- Com 25 anos, ainda há toda uma carreira pela frente, quais são seus planos para o futuro?

R: Cada um pensa em uma coisa, espero voltar a atuar em um grande clube do Brasil, quem sabe voltar ao Exterior!

Foto: Fernando Torres/Ascom Paysandu.

 

5- Como você analisa sua estreia e a estreia de sua equipe no Campeonato Carioca de 2018?

R: Foi uma estreia legal, o Nova Iguaçu é um clube que dá um suporte bem bacana para os profissionais, agora é trabalhar para melhorar mais e mais.

 

6- Na sua visão, o que gostaria de ver no futebol Brasileiro que ainda não temos?

R: Acredito que em todo o país tem alguns problemas, acho que o futebol brasileiro está melhorando em tudo, espero que possa ir melhorando ainda mais.

 

7- Individualmente, o que você espera para o seu ano e quais suas expectativas para a temporada do Nova Iguaçu?

R: Espero que seja um grande ano, trabalhei forte na pré-temporada para isso, o clube tem seus objetivos como eu tenho os meus individualmente, espero que possamos juntos alcançar eles.

 

Deixe seu comentário:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.