Precisava folgar no carnaval?

Depois do confronto contra o Interporto-TO na última sexta-feira (09/02) marcando a estreia do Papão fora de casa na Copa Verde 2018, onde o jogo acabou ficando no empate por 0 a 0.

A diretoria bicolor decidiu folgar nas comemorações de carnaval, onde o alguns jogadores foram para casa com seus familiares e outros voltaram para a capital Paraense. O técnico Marquinhos Santos e o executivo de futebol André Mazzuco foram para Curitiba. Mazzuco tem chegada prevista para a madrugada desta segunda.

Mas será que precisava mesmo folgar no carnaval? Para alguns, dizem que sim. São trabalhadores, a folga é necessária. E para o torcedor do Papão? Não! A folga não é tão necessária assim. Uma vez que, o Paysandu já não vence a quatro jogos, um deles o clássico pelo campeonato Paraense, foi eliminado da primeira fase da Copa do Brasil para o Novo Hamburgo-RS, empate pelo campeonato Paraense e outro na estreia da Copa Verde. Logo, a Fiel caiu em cima da diretoria pedindo demissão do técnico Marquinhos Santos que, para muitos, não deveriam ter renovado com o mesmo ano passado, após o término da Série B.

O técnico fala de poucos treinos por causa de tantas viagens e jogos atrás de jogos. Não seria essa a hora de tentar encaixar a equipe? De recondicionar alguns atletas?

Nas redes sociais, é notável a insatisfação da torcida pedindo a saída de Marquinhos Santos, mesmo começando a temporada um pouco tarde, o comandante não conseguiu até hoje, mais de um mês, mostrar algo a frente da equipe. O Paysandu não consegue fazer jogadas, fazer dois toques, dentre outras coisas ao decorrer da partida. O técnico Marquinhos Santos ainda não encontrou um esquema tático para o Paysandu. Ainda tem as lesões constantes de jogadores, o DM Bicolor contava com quatro jogadores.

O restante do elenco que não voltou a Belém depois da partida contra o Interporto-TO, deve se reapresentar na quarta-feira (14/02) para voltar as treinos, pois no sábado (17/02) o Paysandu tem compromisso pelo campeonato Paraense fora de casa, vai até Parauapebas enfrentar o time local, às 16h no estádio Rosenão.

Por Felipe Corrêa

Deixe seu comentário:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.