Mercado do Futebol

Gustavo Henrique agradou e pode ganhar sequência

Depois de quase 1 ano fora dos gramados, o retorno não poderia ter sido melhor para o zagueiro Gustavo Henrique. O jogador retornou aos gramados no empate contra o Fluminense na última rodada e agradou o treinador Levir Culpi com a sua postura em campo, mesmo com a falta de ritmo evidente, por conta do tempo sem jogar. Em entrevista após o jogo, Levir comento a atuação do zagueiro. “Fiquei feliz pelo Gustavo. Um menino, muito sóbrio, elegante para jogar. Gostei muito do estilo dele. Tínhamos uma preocupação com o ritmo, mas gostei do desempenho dele. Foi o clube que peguei nos últimos tempos com o maior número de zagueiros. São seis bons zagueiros. É bom, mas é um problema”, disse o técnico do Peixe.

A ideia do comandante santista é dar sequência ao jogador, que em 2016 antes da sua lesão era o “dono” da posição, junto de Luis Felipe, que também teve uma contusão semelhante poucos dias depois de Gustavo Henrique. Na última partida, o treinador ainda tinha a opção de escalar o argentino o Fábian Noguera, mas optou em voltar Gustavo Henrique às atividades.

Ainda durante a entrevista, o treinador se posicionou com relação aos demais jogadores da posição. “Temos de trabalhar isso agora. Demos descanso para o Braz, e o Gustavo é considerado um dos titulares do Santos, precisa jogar. Demos a chance, porque ele estava 11 meses sem jogar, e aí vai jogar numa final de Libertadores? Estou feliz com o elenco e vamos ter de trabalhar com esses jogadores todos”. Para a próxima partida do Santos pelo campeonato brasileiro, o zagueiro David Braz deve voltar a ficar disponível, mas não é presença garantida no jogo.

[contact-form][contact-field label=”Nome” type=”name” required=”true” /][contact-field label=”E-mail” type=”email” required=”true” /][contact-field label=”Site” type=”url” /][contact-field label=”Mensagem” type=”textarea” /][/contact-form]

Deixe seu comentário:

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.