Mercado do Futebol

Levir, folga e rachão não ganham clássico.

Foto: Marcos Ribolli.

Os resultados não mentem: folga e rachão não ganham jogo!

Na tarde deste sábado (28), o Santos enfrentou o São Paulo no Pacaembu. Em uma semana movimentada, depois de vencer o Atlético Goianiense, o elenco ganhou folga e só se reapresentou na quarta. Sem falar com a imprensa, os jogadores fizeram rachão e foram para a capital Paulista. O resultado? São Paulo 2 x 1 Santos, com muita sorte, poderia ter sido goleada. Alison marcou para o Santos com um belo gol de fora da área, Cueva e Marcos Guilherme marcaram para os donos da casa. Com o resultado, o Alvinegro segue seis pontos atrás do Corinthians, que ainda não jogou.

O Peixe começou o jogo com três volantes, ao decorrer da partida, passou por três formações diferentes no meio campo e em nenhuma delas o time parecia organizado. O São Paulo aproveitou a desorganização da equipe Santista e marcou logo aos 16 minutos de jogo. Cueva não demorou para ampliar a vantagem, cinco minutos depois já estava 2 a 0 para a equipe da capital. Alison marcou aos 33 minutos e o Santos pareceu buscar uma reação, sem êxito. O placar de apenas um gol de diferença poderia ter sido maior, a equipe liderada por Levir Culpi não mostrou disciplina, pecou nos erros e se distanciou, mais uma vez, do título.

O próximo compromisso do Santos é diante do Atlético Mineiro. Na Vila Belmiro, recebe a equipe Mineira sábado (04), às 17 horas.

Santos FC: Vanderlei; Jean Mota, David Braz, Lucas Veríssimo, Victor Ferraz; Alison, Lucas Lima, Matheus Jesus, Renato; Bruno Henrique e Ricardo Oliveira. Técnico: Levir Culpi.
Substituições: Matheus Jesus – Kayke; Alison – Serginho; Lucas Lima – Copete.

Deixe seu comentário:

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.