Entrevista com o perfil Corinthians Mais+, não percam!

A coluna de hoje trás um bate papo com o responsável pelo perfil do CORINTHIANS MAISᐩ (@sccpmais) no Twitter

Com pouco mais de 1 ano no ar, o perfil conta com quase 95 mil seguidores e busca sempre interagir com seus seguidores com informações, opiniões e muito bom humor.

Sccpmais4

MF: Olá @sccpmais, conte um pouco mais da sua história. Como surgiu a idéia em criar este perfil, você esperava alcançar essa quantidade de seguidores?

O @sccpmais começou na época da Copa do Mundo de 2014, no começo era um perfil apenas pra buscar informações com jornalistas, acompanhar as notícias pelo twitter e procurar novidades de contratações, mas com o tempo comecei a tweetar de verdade e criar conteúdo, postar fotos, fazer montagens e brincar com assuntos relacionados a futebol e Corinthians. Fui vendo que o perfil começou a crescer e o pessoal se interessava por um twitter que fizesse essa união de notícia, zuera e transmitisse um pouco o que o torcedor do Corinthians pensa. Nunca tive a pretensão de ser um perfil “grande” e alcançar esse número de seguidores, mas acho bem legal a interatividade do twitter e ver que a galera curte.

MF: Você deve ter recebido diversas mensagens engraçadas e/ou passou por saias justas. Poderia contar como chega esse tipo de informação no seu perfil?

Cara, toda semana aparece alguma coisa engraçada, principalmente nas DMs e também em fotos que em marcam. Como sempre busco fazer uma “homenagem” ou brincadeira com algum jogador na foto de perfil, toda vez aparece alguém pensando que eu sou aquele representado na foto; já me convidaram pra dar palestra, por eu ser o “Vagner Love” haha, e coisas do tipo. Acho engraçadas as marcações de foto, outro dia uma cidadã tirou fotos dos pés, SIM, DOS PÉS, e me marcou – por favor, não façam mais isso. Acontece bastante também de garotos buscarem a página, como se eu tivesse alguma influência dentro do Corinthians, pra me pedir oportunidade na categoria de base, etc, mas o pessoal as vezes não entende que apenas represento uma página de torcedor dedicada a falar de Corinthians.

Sccpmais3

MF: Como você esse momento que o Corinthians passa, de eliminado no Paulista e Libertadores, saída de ídolos a principal candidato ao título?

A verdade é que o Corinthians manteve, no mínimo, um futebol competitivo durante todo o ano, era o melhor da fase de grupos na Liberta, jogava um futebol taticamente muito bom, de velocidade, toques rápidos e triangulações, mas por algum motivo a coisa não deu certo nos jogos mata-mata nesse ano. Acho que a saída do Guerrero foi o que mais causou preocupação na torcida, que via nele o grande jogador do time e principal nome, mas o Tite conseguiu remontar a equipe com o que ele tinha em mãos, fez jogadores contestados evoluírem muito e deixou a equipe competitiva de novo, mesmo com as saídas e o financeiro do clube desequilibrado. Hoje a gente vê que o Corinthians fez certo em não pagar a fortuna exigida pelo tal peruano, que certamente estragaria o ambiente entre os jogadores e não traria benefícios correspondentes ao valor pago pra um cara que se achou maior que o clube.

MF: Quem são seus ídolos na história do Corinthians? Arriscaria a escalar a formação ideal de todos os tempos?

Um ídolo histórico, pelo que representou para o clube e para o futebol, é o grande Dr. Sócrates. Outro que sempre tive uma admiração muito grande foi o Ronaldo fenômeno, e o fato dele ter vindo jogar aqui só aumentou isso, por isso o tenho também como ídolo.

Escalar uma formação de todos os tempos é difícil por eu não ter visto todos os grandes nomes do Corinthians jogarem, mas com uma mistura do que acompanhei jogar e também pela representatividade, importância e história, acho que posso arriscar: Dida; Zé Maria, Gamarra, Chicão e Wladimir; Ralf, Paulinho, Marcelinho Carioca, Sócrates; Tevez e Ronaldo.

MF: Você aceitaria o Alexandre Pato de volta?

Não. Não quero e não tenho interesse nenhum que ele volte a jogar aqui. Não apenas pela falta de identidade com o Corinthians, como também com o elenco. Não iria dar certo aqui. Futebol ele tem, e antes dele chegar eu acreditava muito no potencial do Pato, mas aqui simplesmente não funcionou e não vai funcionar.

Sccpmais

MF: Se você fosse o presidente do Corinthians, quais seriam seus planos para 2016? Quem você venderia e tentaria contratar?

Como a gente vem acompanhando, acho importante reequilibrar as finanças do clube, precisa continuar atraindo patrocinadores, fechar de uma vez por todas os naming rights da Arena – isso precisa ter um ponto final, já extrapolou qualquer limite –, explorar o marketing e a capacidade de fazer renda que o nome Corinthians tem. Além disso, como é óbvio, o futebol é e sempre será o carro chefe do Corinthians, não dá pra querer enfraquecer o time sob o pretexto de ajustar as contas; é essencial manter a equipe forte, com as principais peças e também fortalecer o time, buscar um centroavante que chegue pra ser titular ainda acho necessário.

MF: O Corinthians está sobrando no campeonato e, alguns clubes quiseram ou tentaram associar o sucesso do Corinthians aos erros de arbitragens, isso te chateia?

Não me chateia porque é o argumento de gente burra, influenciada e induzida pela parte burra da imprensa e também por dirigentes incompetentes, que tentam mascarar a fraqueza do próprio clube apontando e falseando ideias. É fácil para o dirigente que não consegue fazer um time competitivo e falhe em momentos decisivos buscar culpados fora do seu trabalho. Todo ano, todo campeonato, o perdedor chora dessa forma, e pra mim é indiferente. Acho até engraçado e isso só prova aquilo que já sabemos: o fato de o Corinthians jogar bem e estar na frente de todos incomoda MUITO.

MF: Qual seu rival preferido: São Paulo ou Palmeiras?

Palmeiras continua sendo, pela história e pelo que os jogos sempre representaram, o meu rival preferido. Acho que essa coisa de rivalidade acaba variando um pouco conforme o momento das equipes, tanto que há pouco tempo a rivalidade com o São Paulo era até maior.
Por fim, só gostaria de agradecer a vocês do Mercado do Futebol pela oportunidade de conversar e falar um pouco sobre Corinthians e do meu “trabalho” lá no @sccpmais. Parabéns pelo site e pelo trabalho de vocês cobrindo futebol.

Sccpmais2

Deixe seu comentário:

Luiz Felipe Ugliano

Corinthiano, maloqueiro e sofredor. Graças a Deus!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.