Mercado do Futebol

Os estaduais na região Norte

Foto: Araguaína-TO.

Hoje (10/01) faremos as análises dos estaduais da Região Norte (Acre, Amapá, Amazonas, Pará, Roraima, Rondônia, Tocantins)

 

Campeonato Acreano:

O estadual inicia juntamente com os grandes campeonatos do país, se diferenciando dos últimos anos. São 8 equipes em dois grupos, após três rodadas, os dois melhores times de cada grupo disputam semifinal e final. São dois turnos.

 

Andirá:

Não temos informações sobre o elenco.

 

Atlético Acreano:

O time antes não favorito, agora chega com pompa e circunstância, após o acesso a Série C, mesmo assim o investimento é baixo e de destaque tem o volante Ancelmo ex-Rio Branco-AC.

 

Galvez:

Não temos informações sobre o elenco.

 

Humaitá:

Não temos informações sobre o elenco.

 

Plácido de Castro:

Não temos informações sobre o elenco.

 

Rio Branco:

O Estrelão tem a vaga na Série D, no entanto quer procurar retornar a terceira divisão, para isso contratou o atacante Lauro César ex-Camboriú-SC e o técnico Cristian de Souza (foto).

Foto: Natacha Albuquerque/Rio Branco.

 

São Francisco:

Não temos informações sobre o elenco do recém-promovido a Série A.

 

Vasco da Gama:

Não temos informações sobre o elenco.

 

Campeonato Amazonense:

São 8 equipes em dois grupos, após quatro rodadas, sendo que o primeiro de cada grupo se classifica para a semifinal, o segundo e o terceiro disputam um play-off para conseguir passar de fase. São dois turnos.

 

Fast Club:

O time busca o título do estadual para isso tem no elenco o goleiro Labilá ex-São Raimundo-PA e o meia Edicléber ex-Remo. O técnico é o português Paulo Morgado.

 

Manaus:

O grande favorito ao título, a vaga na Série D colocou a equipe com um investimento alto, os destaques são: O goleiro Milton ex-Maranguape-CE, o lateral-direito Panda ex-CSA, o zagueiro Paulão ex-América-RN, o volante Rossini ex-Icasa, o meia Cleitinho ex-Sampaio Corrêa e o atacante Nena (foto) ex-Brasil de Pelotas.

Foto: Marcos Dantas.

 

Manicoré:

Não temos informações sobre o elenco do recém-promovido a Série A.

 

Nacional:

O time sempre é forte e tenta retornar a hegemonia dos últimos anos, para isso os destaques são: O goleiro Paulo Wanzeler ex-Paysandu, o lateral-esquerdo Rodrigo Ítalo ex-Mixto-MT, o zagueiro Índio ex-River-PI, o meia Fininho ex-Remo e o atacante Cristiano ex-Paços de Ferreira (Portugal).

 

Penarol:

O principal nome é o atacante Branco ex-Náutico-RR.

 

Princesa de Solimões:

Não temos informações sobre o elenco.

 

Rio Negro:

O principal nome do campeonato estadual é o lateral-direito Wagner Diniz ex-São Paulo, além disso possui o meia Ives ex-América-RN. O técnico é Aderbal Lana.

Foto: Gabriel Mansu.

 

São Raimundo:

Não temos informações sobre o elenco.

 

Campeonato Amapaense:

O estadual se inicia somente no dia 15 de março com seis equipes na disputa pelo título (Independente, Macapá, Santos, São Paulo, Trem e Ypiranga). Macapá e Santos estão na Série D.

 

Campeonato Paraense:

É o estadual mais forte da região de forma disparada, serão 10 equipes divididas em dois grupos. São 10 rodadas para que duas equipes passem de fase e disputem a semifinal.

 

Águia de Marabá:

O destaque do time que quer subir de nível novamente é o volante Mael ex-Remo.

 

Bragantino:

O time de jovens vindos do Paysandu tem como destaque o goleiro Paulo Ricardo.

 

Cametá:

Mais um elenco de jovens, o zagueiro Andrelino ex-Paysandu é o principal nome.

 

Castanhal:

Os principais nomes são o meia Flamel ex-Ferroviário-CE e o atacante Val Barreto ex-Remo.

 

Independente Tucuruí:

Não temos informações sobre o elenco, apesar de ter vaga na Série D esse ano.

 

Paragominas:

O destaque é o atacante Fidelis ex-Rio Branco-ES.

 

Parauapebas:

O time tem como objetivo garantir vaga na Série D próximo ano, os principais nomes são o volante Augusto Recife ex-Paysandu e o meia Max Carrasco ex-Vila Nova.

 

Paysandu:

O amplo favorito ao título estadual, time que contratou bem e vem como muita força mesmo antes da Série B, os destaques são: O goleiro Renan Rocha, o lateral-direito Maicon Silva, o zagueiro Diego Ivo, o volante Nando Carandina, o meia Pedro Carmona (foto) e o atacante Moisés.

Leitura: Entrevista com o meia Pedro Carmona, do Suwon FC, da Coréia do Sul

Foto: Ronaldo Santos/Paysandu.

 

Remo:

A equipe azulina busca retomar o título, montou um elenco razoável com alguns destaques: O goleiro Vinícius, o zagueiro Alex Moraes, o lateral-esquerdo Esquerdinha, o volante Leandro Brasília, o meia Rodriguinho e o atacante Isac (foto).

Foto: Max Sousa/Remo.

 

São Raimundo:

Não temos informações sobre o elenco.

 

Campeonato Roiramense:

A disputa inicia no dia 24 de fevereiro, possuindo a participação de nove equipes (Atlético Roraima, Associação Esportiva Real, Baré, GAS, Náutico, Progresso, Rio Negro, River e São Raimundo). Baré e São Raimundo são os representantes do estado na Série D.

 

Campeonato Rondoniense:

A disputa começa no dia 10 de fevereiro com oito times. São sete rodadas em cada turno e os vencedores se enfrentam na final do estadual.

 

Barcelona:

O time está na Série D e tem o destaque do atacante Cabixi ex-Icasa.

 

Genus:

A equipe é mais tradicional do estado, no entanto está na busca pela vaga na Série D, ainda não anunciou reforços de maior impacto.

 

Ji-Paraná:

O destaque do futebol rondoniense retornou para casa, o volante Ji-Paraná ex-Internacional.

Foto: Marco Bernardi/Globo Esporte.

 

Real Ariquemes:

Outro grande nome do estadual vem do favorito ao título, os principais nomes são: O lateral-direito Edson Pacujá ex-Guarany de Sobral-CE e o atacante Jorge Preá ex-Palmeiras.

 

Rondoniense:

O técnico é Luis dos Reis ex-Marília.

 

Vilhena:

Apesar de tradicional, é outro time que possui recursos limitados.

 

Vilhenense:

Um dos times novos do país (do ano passado) vem para ser contraponto do Vilhena, o meia Cucaú ex-Sport é o destaque.

 

Campeonato Tocantinense:

São oito equipes e quatorze rodadas que definirão os semifinalistas, as disputas restantes são no formato mata-mata. O campeonato começa no 31 de março.

 

Araguaína:

O último representante do estado na Série C retorna a divisão de elite mesmo sem maiores investimentos.

 

Gurupi:

Não temos informações sobre o elenco.

 

Interporto:

O principal nome do clube é o atacante Ildemar ex-Avaí.

 

Palmas:

Não temos informações sobre o elenco.

 

Paraíso:

Não temos informações sobre o elenco.

 

Sparta:

A equipe que possui o escudo parecido com o Ceará e garantiu a vaga na Série D tem como destaque o lateral-direito Moacri ex-Campinense.

Foto: Sparta-TO.

 

Tocantinópolis:

Não temos informações sobre o elenco.

 

Tocantins:

Não temos informações sobre o elenco.

 

Deixe seu comentário:

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.