Mercado do Futebol

Os estaduais na Região Sul

Foto: Veranópolis ECRC.

Hoje (11/01) iremos analisar os estaduais nos três locais da região Sul (Paraná, Rio Grande do Sul e Santa Catarina)

 

Campeonato Catarinense:

O estadual que se mantém nos moldes antigos com dez clubes que em 18 rodadas jogam entre si para que no final, os dois melhores disputem a taça da competição.

 

Atlético Tubarão:

Ano passado com um elenco robusto de nomes conhecidos conquistou a vaga na Série D, agora o campeão da Copa Santa Catarina possui um time de jovens, mesmo assim deve permanecer na divisão especial, os destaques são: O goleiro Junior Beliatto ex-ABC, o lateral-esquerdo Marlon ex-Figueirense, o zagueiro Jailton ex-Bahia e o atacante David Batista ex-Volta Redonda.

 

Avaí:

Uma mistura de jovialidade com experiência, esse é o Avaí 2018 que busca conquistar o estadual e retomar os caminhos da Série A, os destaques são: O goleiro Rubinho, o lateral-direito Tiago Cametá, o zagueiro Betão, o volante Judson, o meia Marquinhos (foto) e o atacante Alejandro Martinuccio. O técnico é Claudinei de Oliveira.

Leitura: Entrevista com o zagueiro Betão, do Avaí

Foto: Avaí FC.

 

Brusque:

O Bruscão entra forte nas disputas do estadual e principalmente já monta um elenco interessante para a Série D, equipe que deve ficar no meio da tabela, os principais nomes são: O goleiro André Luis ex-Vila Nova, o zagueiro Antônio Carlos ex-Ceará, o volante França ex-Palmeiras, o meia Dakson ex-Náutico e o atacante Aldair ex-Joinville.

Leitura: Entrevista com o volante França

 

Chapecoense:

A Chapecoense pelo que faz no cenário nacional ao conquistar uma vaga na Libertadores (mesmo que seja na pré) deixa o elenco um pouco a frente dos seus adversários no estado, apesar de não ter formado ainda o elenco desejado, os destaques são: O goleiro Elias, o lateral-direito Apodi (foto), o zagueiro Luiz Otávio, o volante Márcio Araújo, o meia Nadson e o atacante Wellington Paulista. O técnico é Gilson Kleina.

Foto: Fran Constante/Chapecoense.

 

Concórdia:

O candidato a rebaixamento principal destoando e muito dos outros times, os destaques são: O volante Diogo Roque ex-Londrina, o meia Paulinho Oliveira ex-Paraná e o atacante Rafael Santiago ex-Caxias. O técnico é Mauro Ovelha.

 

Criciúma:

O Tigre apesar de estar na Série B, dessa vez montou um elenco limitado pensando em contenção de gastos, dentre os destaques estão: O goleiro Luiz ex-São Caetano, o lateral-esquerdo Eltinho ex-ABC, o zagueiro Sandro ex-Santa Cruz, o volante Alex Maranhão ex-Grêmio Barueri, o meia Elvis ex-CRB e o atacante Siloé ex-Ceará. O técnico é Lisca.

 

Figueirense:

O Figueirense é uma das equipes que buscam o título da competição, apesar de ter feito um time mais fraco do que em anos anteriores, mesmo assim quer também ascender a primeira divisão nacional, os principais nomes são: O goleiro Dênis, o lateral-esquerdo Diego Renan, o zagueiro Eduardo, o volante Abuda, o meia Marco Antônio (foto) e o atacante Jorge Henrique.

Foto: Luiz Henrique/Figueirense.

 

Hercílio Luz:

Chegou da segunda divisão para pelo tentar se manter entre os melhores, porém a situação não tão fácil assim para o clube, os destaques são: O zagueiro Cléber ex-Ceará, o volante Revson ex-Bragantino, o meia Leandro Melo ex-Oeste e o atacante Lima ex-Paysandu.

Leitura: Entrevista com o volante Revson, do Bragantino

 

Inter de Lages:

Apesar de possuir uma vaga na Série D, o time lageano corre o risco de cair de divisão caso não consiga desenvolver melhor seu elenco que tem como principais nomes: O lateral-esquerdo Sanchez ex-Macaé, o meia Toshi ex-Avaí e o atacante Max ex-Palmeiras.

 

Joinville:

O JEC não vai em busca do título, mas pelo montou um equipe para ficar no meio da tabela e realmente se preocupa com a disputa da Série C, os destaques são: O lateral-direito Hélder ex-Goiás, o zagueiro Evaldo ex-Brasil de Pelotas, o volante Renan Teixeira ex-Portuguesa, o meia Marcos Paraná ex-Paysandu e o atacante Rafael Grampola ex-Bragantino.

Leitura: Entrevista com o meia Marcos Paraná

 

Campeonato Gaúcho:

São 12 equipes que disputam onze partidas para ver quem vai disputar as quartas-de-final, ali em diante os duelos serão no formato mata-mata.

 

Avenida:

É um clube com aspirações de se manter na divisão de elite e somente, os destaques são: O goleiro Fabiano Heves ex-Gama, o lateral-direito Itaqui ex-Caxias, o zagueiro Luis Henrique ex-Icasa, o volante Diego Torres ex-Figueirense, o meia Carlinhos ex-Confiança e o atacante Hyantony ex-Vila Nova.

 

Brasil de Pelotas:

O Xavante formou um elenco limitado dentro de suas condições financeiras, apesar da Série B, no entanto não fará feio em mais uma disputa do estadual, os principais nomes são: O goleiro Marcelo Pitol ex-Icasa, o lateral-esquerdo Bruno Collaço ex-Sochaux (França), o zagueiro Gustavo Bastos ex-Vila Nova, o volante Vacaria ex-Juventude, o meia Deyvid Sacconi ex-Palmeiras e o atacante Robério ex-Ceará. O técnico é Clemer.

Leitura: Entrevista com o zagueiro Gustavo Bastos, do Brasil de Pelotas

 

Caxias:

Definitivamente, o Caxias veio para permanecer e brigar pelo Juventude no clássico de Caxias do Sul pela posição de melhor rankeado do estado, para isso contratou o goleiro Glédson ex-Portuguesa, o lateral-esquerdo Julinho ex-Figueirense, o zagueiro Jean ex-Brasil de Pelotas, o volante Régis Silva ex-Atlético-GO, o meia Rafael Gava ex-Londrina e o atacante Daniel Cruz ex-São Caetano. O técnico é Luis Carlos Winck.

 

Cruzeiro:

Simplesmente um dos favoritos a cair de divisão ao analisar os elencos, como destaques possui: O zagueiro João Guilherme ex-Apoel (Chipre), o volante Foguinho ex-Ceará e o meia William Kozlowski ex-Tupi.

 

Grêmio:

Por tudo que fez no ano anterior, o Tricolor é favorito-mor ao título estadual, apesar de algumas mudanças, o elenco vem forte para as disputas de 2018, os destaques são: O goleiro Marcelo Grohe, o lateral-esquerdo Bruno Cortez, o zagueiro Pedro Geromel, o volante Ramiro, o meia Arthur e o atacante Luan (foto). O técnico é Renato Gaúcho.

Foto: Lucas Uebel/Grêmio.

 

Internacional:

Após o acesso a Série A, o time fez uma reformulação e melhorou seu elenco, é claro que o colorado tem possibilidades de retornar a ser campeão gaúcho e vai brigar por isso, os principais nomes são: O goleiro Danilo Fernandes, o lateral-esquerdo Uendel, o zagueiro argentino Victor Cuesta, o volante Rodrigo Dourado, o meia argentino D’Alessandro (foto) e o atacante Leandro Damião. O técnico é Odair Hellmann.

Foto: SC Internacional.

 

Juventude:

O Juventude está na mesma situação do Brasil de Pelotas ao fazer um elenco limitado, pensando somente mais a frente na Série B, os destaques são: O goleiro Matheus Cavichioli ex-Novo Hamburgo, o lateral-direito Bruno Ribeiro ex-Palmeiras, o zagueiro Micael ex-ASA, o volante Bruninho ex-Santa Cruz, o meia Leandro Lima ex-Fortaleza e o atacante Guilherme Queiróz ex-Paraná. O técnico é Antônio Carlos Zago.

Leitura: Entrevista com o lateral-direito Bruno Ribeiro, do Juventude

 

Novo Hamburgo:

Se o título veio de forma surpreendente em 2017, agora o lema é pés nos chão e aos poucos vai segurando o ímpeto para quem sabe conseguir novamente o almejado objetivo, os principais nomes são: O goleiro Max ex-Confiança, o lateral-esquerdo Xaro ex-Brasil de Pelotas, o zagueiro Júlio Santos ex-São Paulo, o volante Zotti ex-ABC, o meia Diogo Oliveira ex-Paysandu e o atacante Branquinho ex-Sport.

 

São José:

O clube apesar de ter vaga na Série D fez um elenco bem abaixo da expectativa, o cuidado agora é pelo menos tentar se manter na divisão de elite, os destaques são: O zagueiro Teco ex-Grêmio, o volante Tássio ex-Linense e o meia Felipe Guedes ex-Criciúma.

 

São Luiz:

O clube de Ijuí é outro que periga cair de divisão, pois formou um time com poucas peças interessantes, os principais nomes são:  O zagueiro Lacerda ex-São Paulo-RS, o lateral-esquerdo Márcio Goiano ex-Criciúma e o meia Karl Dalla Vedova ex-Arouca (Portugal).

 

São Paulo:

A equipe contratou alguns jogadores conhecidos de grandes clubes e por isso deve se manter no meio da tabela no campeonato, os destaques são: O lateral-esquerdo Anderson Pico ex-Flamengo, o volante Diguinho ex-Vasco, o meia Diogo Barcellos ex-ABC e o atacante Luis Gueguel ex-Palmeiras.

 

Veranópolis:

O elenco do time me surpreendeu pela força em termos defensivos, então é uma equipe que poderá ficar no meio da tabela tranquilamente, os principais nomes são: O goleiro Reynaldo ex-Ponte Preta, o lateral-direito Felipe Mattioni ex-Milan, o zagueiro Bonfim ex-Coritiba, o meia Eduardinho ex-Boa Esporte e o atacante William ex-Sampaio Corrêa. O técnico é Julinho Camargo.

 

Campeonato Paranaense:

São 12 equipes em um formato diferenciado com dois grupos de seis times que em cinco rodadas classificam dois clubes para a semifinal, assim se define em dois turnos.

 

Atlético Paranaense:

O Clube Atlético Paranaense deve usar seu plantel principal na disputa do campeonato, sendo assim larga um pouco na frente de seus rivais na conquista do título, os destaques são: o goleiro Rodolfo, o lateral-direito Jonathan (foto), o zagueiro Paulo André, o volante Deivid, o meia Raphael Veiga e o atacante Pablo.

Foto: Clube Atlético Paranaense.

 

Cascavel:

Um dos candidatos sério ao descenso, o principal nome é do técnico Agenor Piccinin.

 

Cianorte:

A vaga na Série D e o vice-campeonato do interior no ano passado são armas utilizadas para o clube conseguir sucesso nesta temporada também, dentre os destaques possui: O goleiro Sílvio ex-Chapecoense, o lateral-direito Guilherme Lucena ex-Náutico, o zagueiro Montoya ex-Guarani, o volante Richarlyson ex-Atlético Mineiro, o meia Rafael Xavier ex-Fluminense-BA e o atacante André Luis ex-Santa Cruz.

 

Coritiba:

O time passou por uma reformulação no elenco e vem um pouco mais deficitário do que em anos anteriores, contudo quer brigar pelo título estadual novamente, os principais nomes são: O goleiro Wilson (foto), o lateral-esquerdo William Matheus, o zagueiro Werley, o volante Wellington Simião, o meia Yan Sasse e o atacante Kléber.

Foto: Monique Silva.

 

Foz do Iguaçu:

Outro candidato a descer para segunda divisão paranaense, o único nome conhecido é do zagueiro Leandro Silva ex-Avaí.

 

Londrina:

O atual campeão da Primeira Liga e quase subiu para Série B, a tendência é manter com um elenco jovem e cheio de expectativas, os principais nomes são: O goleiro César, o lateral-direito Lucas Ramon ex-Santa Cruz, o zagueiro Dirceu ex-Figueirense, o volante Germano ex-Santos, o meia Alex ex-Cruzeiro e o atacante Keirrison ex-Palmeiras.O técnico é Ricardinho.

 

Maringá:

Aquele elenco que deve ficar no meio da tabela e nada muito além disso, os destaques são: O goleiro Fábio ex-Figueirense, o lateral-esquerdo Thiago Cristian ex-Guarani, o zagueiro Alex Fraga ex-Náutico, o volante Carlão ex-Ceará, o meia Rodrigo Dantas ex-Macaé e o atacante Bruno Batata ex-Londrina.

 

Paraná Clube:

O Tricolor da Vila apesar do acesso perdeu muitos atletas, o que dificulta muito a sua vida no campeonato, mas o projeto é de disputar o título e chegar bem na Série A, os destaques são: O goleiro Luis Carlos ex-Ceará, o lateral-direito Alemão ex-Internacional, o zagueiro Charles ex-Joinville, o volante Alex Santana (foto) ex-Guarani, o meia Zezinho ex-Juventude e o atacante Zé Carlos ex-CRB. O técnico é Wagner Lopes.

Foto: Paraná Clube.

 

Prudentópolis:

Apesar da vaga na Série D, o time apresenta fraquezas e um rebaixamento pode sim acontecer, apesar de haver poucas chances, os principais nomes são: O goleiro Adilson ex-Gama, o lateral-direito Nei ex-Internacional e o atacante Dimba ex-Santos. O técnico é Júlio Sérgio.

 

Rio Branco:

Mais um clube que apresenta chance de cair de divisão, dentre os destaques têm: O volante Recife ex-Flamengo e o meia Camargo ex-Houston Dynamo (EUA). O técnico é Maurílio Silva.

 

Toledo:

Se manter na primeira divisão é a meta e deve conseguir isso, os principais nomes são: O zagueiro Eduardo Luiz ex-São Caetano e o lateral-direito Filipe Souza ex-ABC. O técnico é Paulo Baier.

 

União Beltrão:

Aposta na experiência para se manter de divisão e isso pode render frutos na sua primeira participação no estadual, os destaques são: O volante Wellington Monteiro ex-Fluminense, o meia Max ex-Brusque-SC e o atacante Richard Falcão ex-Ponte Preta.

Deixe seu comentário:

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.