Mercado do Futebol

Análise: quem deve permanecer e quem dever sair do Santa Cruz

Visando o planejamento do Santa Cruz para a temporada de 2018, fizemos uma breve análise dos jogadores que devem permanecer no clube e os que não, ou talvez não continuarão no Arruda. Com o rebaixamento decretado no último sábado, ao perder para o Boa Esporte, em Varginha, o Santa Cruz começará a se planejar para a próxima temporada.

No elenco atual, o Santa Cruz conta com quase 40 atletas, rastros da péssima gestão do presidente Alírio Moraes frente ao clube.

ANÁLISE

GOLEIROS

Como todo bom time começa por um bom goleiro, uma grande conquista para o Santa Cruz seria a renovação do empréstimo com Jacsson. Haja vista que o arqueiro teve boas atuações quando foi acionado e teve sempre o apoio do torcedor tricolor. O jogador não está mais no Arruda. No começo do mês de Outubro o goleiro teve constatada uma lesão de menisco no joelho esquerdo e deixou o clube para passar por uma cirurgia em Porto Alegre. Jacsson continua no Internacional se recuperando.

Imagem relacionada

Júlio Cesar e Jacsson ambos foram contratados pelo Santa Cruz no começo do ano. (Foto: Marlon Costa/Pernambuco Press)

Já o titular Júlio César não teve um bom ano a frente do tricolor. Debaixo de muitas críticas da torcida por suas sequências de falhas, o goleiro não deve permanecer no clube para a próxima temporada. Alvo da torcida, Júlio foi um dos atletas mais culpados pelo rebaixamento.

ZAGUEIROS

Ao decorrer do ano o Santa Cruz teve várias duplas de zaga no time titular, infelizmente, nenhuma deu muito certo.

No elenco são quatro zagueiros, sem contar os da base, são eles: Bruno Silva, Anderson Salles, Sandro e Guilherme Mattis. Os dois primeiros foram os que mais aturam pelo Santa Cruz neste ano, além dos mais regulares. Somente na Série B foram 48 gols sofridos, até o momento, uma das piores defesas do campeonato. A zaga titular até o último jogo contra o Boa Esporte foi formada por Anderson Salles e Guilherme Mattis.

Anderson Salles não se destacou muito na defesa, mas quando é acionado na bola parada sempre leva perigo à meta adversária. O jogador é o artilheiro do clube na temporada com 10 gols marcados em 43 jogos. Seu companheiro de função, Bruno Silva, ao ver de muitos é um dos zagueiro com mais regularidade do elenco, ao lado de Salles. Se tem dois jogadores que mereciam renovar contrato eram eles.

Imagem relacionada

Anderson Salles é o artilheiro do Santa Cruz na temporada (foto: Marlon Costa/Pernambuco Press)

 

LATERAIS

As laterais do Santa Cruz sempre foi alvo de muitas críticas, ainda mais depois da saída do lateral esquerdo Roberto e do lateral direito Vítor, que ficou afastado após quebrar a perna. Os jogadores eram titulares absolutos nas suas posições. Após isso, quem assumiu as vagas dos atletas foram: Nininho, responsável pela lateral direita e Tiago Costa e Yuri que sempre dividiam a lateral esquerda. Além do lateral direito Walber, que estava há 1 ano sem atuar que chegou no final do ano ao Arruda. Jogador assinou contrato até o final deste ano.

Prata da casa e um dos alvos de críticas da torcida, Nininho até fez algumas boas partidas, mas não conseguia manter o bom ritmo. Mesmo assim, o lateral foi um dos atletas que mais atuaram no time nesta Série B. Yuri veio por empréstimo junto ao Botafogo/RJ e deve voltar para o clube carioca.

No elenco são: Nininho e Walber (LD), Yuri e Tiago Costa (LE). Como é da base Nininho deve permanecer, na nossa opinião, deverá ser o único a permanecer.

Resultado de imagem para nininho santa cruz

Nininho, prata da casa, é um dos que deve permanecer para o ano que vem. (Foto: Coralnet)

VOLANTES

Na cabeça de área o nome mais comentado e que a torcida pede a renovação é de Derley. Com toda sua raça e vontade dentro de campo, o pedido para a renovação do atleta é unânime entre os torcedores Corais. Outro que deve permanecer é João Ananias que tem contrato com o Santa Cruz até julho de 2018.

Além de Derley e João Ananias, temos o prata da casa Wellington Cezar que com Martelotte sempre tem um diferencial em suas atuações. O jogador marcou seu primeiro gol como profissional este ano contra o Londrina e também deve continuar no tricolor.

Imagem relacionada

Derley é uma das unanimidades para renovação (Foto: Diego Nigro/JC)

MEIAS

A posição mais carente do Santa Cruz este ano. Muitas chegaram e poucos agradaram. Poucos. A nosso ver, o único meio campo que agradou e sua renovação é unânime é João Paulo. Desconhecido, o jogadores chegou ao Arruda com os olhares de desconfiança da torcida, mas logo quando entrou em campo mostrou ser um bom jogador com seus gols e seus passes para armar as jogadas. Além disso, João é um dos artilheiros do Santa Cruz na Série B com 6 gols.

Resultado de imagem para joao paulo santa cruz 2017

Para nós, João Paulo é uma das unanimidades para renovação de contrato. (Foto: Marlon Costa/Pernambuco Press)

O meia Thiago Primão não se destacou e deve deixar o Arruda no final do ano. Pouco se produziu da parte dele. Nenhum gol foi marcado.

Outro que não se firmou foi o meia Natan, conhecido da torcida tricolor o jogador voltou ao Arruda este ano e não conseguiu uma sequência de jogos. Ainda no dia 14 de Outubro o jogador sofreu uma lesão no tornozelo no  jogo contra o Figueirense e ainda não se recuperou 100%, segundo o treinador Marcelo Martelotte. Tendo o histórico de lesões muito grande, o jogador pode deixar o clube no final do ano.

Prata da casa, o meia Jeremias deve permanecer no clube. O jogador teve duas oportunidades de atuar e não comprometeu.

ATACANTES

Chegamos na parte mais importante do time quando se fala em gols. Infelizmente o Santa Cruz não teve muita sorte com atacantes neste ano, sem contar que o artilheiro do clube na temporada é um zagueiro.

O atacante que mais se destacou foi Ricardo Bueno que marcou seis gols com a camisa do Santa Cruz na Série B. O jogador é vice-artilheiro da temporada ao lado do meia João Paulo. Com sondagens do São Bento, que conseguiu o acesso à Série B neste ano, o atleta é mais um que deve deixar o Arruda.

Outros dois que devem deixar o Santa Cruz são: Bruno Paulo e André Luís. Bruno que pertence ao Corinthians/SP, deve voltar para ao clube paulista e assim, encerrar seu contrato de empréstimo com a Cobra Coral. O jogador marcou apenas três gols pelo clube. Já André Luís foi um dos que se destacou em uma boa parte do ano. O atleta é da base do Santa e tem propostas do Botafogo/RJ. André marcou 5 gols em 56 jogos disputados com a camisa Coral, além de ser um dos jogadores  que mais atuou este ano pelo clube.

O atacante William Barbio também deve se juntar aos três e deixar o clube no final da Série B. Com poucas chances no time, o jogador marcou apenas dois gols.

A renovação do atacante Pitbull deverá ser conversada entre as diretorias do Santa Cruz e do Cruzeiro, clube pertencente dos direitos do atleta, já que a negociação que envolveu o atacante Raniel deu direito ao tricolor a escolher, por empréstimo, atletas que não seriam utilizados pela equipe mineira. Halef Pitbull pode permanecer no Arruda caso o contrato de empréstimo com o Santa Cruz seja renovado. Um bom nome para a disputa da Série C. Pitbull tem 8 gols em 36 jogos com a camisa Coral.

As únicas permanências consideradas certas referentes ao ataque coral, devem ficar por conta de Grafite e Augusto. O primeiro, voltou ao Santa no meio do ano e pretende encerrar a carreira no clube que ama. Já o segundo, tem contrato com o Santa Cruz até 2019. Grafite disputou 14 jogos e marcou 4 gols na sua volta para o Santa Cruz este ano. Já Augusto, em 14 jogos pelo tricolor marcou 2 gols.

Resultado de imagem para grafite santa cruz

Grafite deve permanecer e encerrar a carreira vestindo a camisa do Santa Cruz. (Foto: Santa Cruz/Divulgação)

 

*Não citamos alguns jogadores do base do Santa Cruz, pois devem ter contrato renovados automaticamente e outros já tem contrato longo. Exemplos: Lucas Silva, Miller, Walter Guimarães, Eduardo Brito, Marcílio, Lucas Gomes, Willams Luz entre outros.

 

 

 

Deixe seu comentário:

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.