Mercado do Futebol

Paraná vence o Internacional e está cada vez mais perto de alcançar seu objetivo

Créditos: GP Press

A noite dessa terça-feira (03), irá com certeza ser eternizada na memória de todos os paranistas que estavam presentes na Arena da Baixada.

A festa…

A festa começou do lado de fora, lá pelas 19h00, que foi quando o time paranista chegou, pra ser mais exata, na Brasilio Itiberê. O ônibus chegou e a torcida tava lá, com foguetes, sinalizadores e cantando.

Já dentro do estádio, a festa começou a ser organizada cedo, por mais de 80 pessoas. O clube tinha uma surpresa para a torcida, as 18h30 os portões foram aberto e a surpresa foi enfim revelada, era um mosaico, um mosaico feito com “sacolas”. Na Getúlio estava escrito “Rumo a Série A”, na Buenos Aires, TFI (Torcida Furia Independente), na brasilio Itiberê tinha a gralha, era um mosaico 360°.

Na terça-feira passada (26), o clube tinha lançado a campanha #CaleQuemDuvida #40MilNaBaixada, e não era só 40 mil na baixada, era também bater o record dos próprios donos do estádio. Desafio proposto, desafio concluído. O público divulgado (total), foi de 39.414 pessoas.

E falando como torcedora, como uma torcedora que insiste em dizer que não é clubista, mesmo depois de falar e repetir que seu time é maior que o Barcelona, eu digo que o dia 3 de outubro de 2017 pode ser definido como: inexplicável. Eu vivi esse inexplicável.

O dia amanheceu diferente, amanheceu ansioso, amanheceu e a única certeza que eu tinha era que dali a algumas horas eu estaria fazendo história, ou melhor, participando de um dos melhores se não o melhor capítulo da história recente do Paraná Clube.

O dia demorou a passar. Precisei de uma semana para começar a acreditar que podíamos sim Calar quem duvida. As horas foram passando e a minha certeza de que seria o melhor dia da minha vida como torcedora só aumentava. E quando o dia acabou a minha certeza tinha se concretizado, foi o melhor dia da minha vida.

O jogo…

A partida estava bem equilibrada, chances de todos os lados, jogo quente e pegado, cartões amarelos, faltas duras e raça, muita raça. Aos 5 minutos Alemão fez a primeira finalização ao gol de Danilo. Aos 16’ Robson tentou novamente mas mandou para fora. A resposta dos colorados veio as 29’, que foi quando Sasha chutou de fora da área obrigando o goleiro Richard a fazer uma bela defesa.

O clima na arena estava harmonioso, todos que estavam lá, estavam com a sensação de que estavam vivendo um dia histórico, estavam com a sensação de que naquele dia alcançaríamos nossa meta.

Foi aos 41’, de cabeça, após o Renatinho bater escanteio, Maidana aparece sozinho, de cabeça, para abrir o placar e deixar o Paraná na frente. Após o gol ele foi direto pra torcida, e bateu continência (foto).

O segundo tempo a pressão ficou quase toda com a equipe do Internacional. Já aos 7 minutos Leandro Damião chutou uma bola na trave. O tricolor conseguiu segurar a vitória. Final de jogo, Paraná 1, Internacional 0.

E com a vitória, se tornou vice líder e cada vez mais perto de alcançar o objetivo, o acesso.

O tricolor está em 2º, com 49 pontos. O líder Internacional está com 51 pontos. A próxima batalha é contra o Criciúma, em casa, na próxima sexta-feira (6).

FICHA TÉCNICA
Paraná Clube x Internacional 

Local: Arena da Baixada, Curitiba (PR).
Data: Terça-feira, 03 de outubro de 2017.
Horário: 20h30.
Árbitro: Leonardo Bizzio Marinho (SP).
Assistentes: Daniel Paulo Ziolli (SP) e Daniel Luis Marques (SP).
Público e renda: 39.414 total | R$ 1.224.660,00

PARANÁ CLUBE: Richard; Cristovam, Iago Maidana, Eduardo Brock e Igor; Gabriel Dias, Vinícius Kiss e Renatinho (Luiz Otávio); João Pedro (Jhony), Robson e Alemão (Vitor Feijão).
TÉCNICO: Matheus Costa.

INTERNACIONAL: Danilo Fernandes; Claudio Winck (Juan), Danilo Silva, Léo Ortiz e Uendel; Rodrigo Dourado (Charles), Edenilson, D’Alessandro e Eduardo Sasha (Camilo); Nico López e Leandro Damião.
TÉCNICO: Guto Ferreira.

Gol: Iago Maidana (PRC) aos 41′ do primeiro tempo.
Cartões amarelos: Richard, Igor, Jhony, Gabriel Dias e Robson (PRC); Claudio Winck e D’Alessandro (INT).

Deixe seu comentário:

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.