Campeonato Brasileiro: Clássico.

Pela 22° rodada do Campeonato Brasileiro a Chapecoense pegou o Avaí, considerando assim um Clássico, Chapecoense e Avaí já se enfrentaram seis vezes no ano, sendo 3 vitórias de cada lado e 3 derrotas de cada lado.

Escalação: 

Avaí:

Douglas Friedrich 22; Leandro 2, Fagner Alemão 4, Betão 3, Capa 6; Wellington Simião 7, Judson 93, Juan 55, Pedro Castro 26; Joel 99, Junior Dutra 9.

Chapecoense:

Jandrei 93; Apodi 2, Grolli 3, Fabricio Bruno 14, Reinaldo 6; Moisés 5, Lucas Mineiro 25, Luiz António 11; Wellington Paulista 9, Tulio de Melo 10, Arthur Caike 17.

Estavam pendurados:

 Avaí: Douglas, Alemão, Pedro Castro e Lourenço.

Chapecoense: Lucas Marques, Lourency e Reinaldo.

Eram desfalques:

Avaí: Luan (departamento médico).

Chapecoense: Osman, Guerrero, João Pedro, Neto, Nadson, Luiz Otávio, Zeballos e Amaral (departamento médico). Victor Ramos não faz mais parte dos planos e está treinando à parte.

Primeiro tempo:

Aos 15 minutos, Simião cruza da esquerda, Júnior Dutra cabeceia para trás e a bola passa perto do gol de Jandrei. Aos 28 minutos Chapecoense dá bobeira, Joel ganha por cima e arma contra-ataque. Juan larga a bola para Júnior Dutra, que finaliza de fora da área e manda perto do gol de Jandrei. Aos 29 minutos Reinaldo recebe pelo meio, solta a bomba e consegue escanteio. Aos 31 minutos Juan cobra falta da intermediária, Joel antecipa a marcação e cabeceia certeiro para balançar as redes. Jandrei cai, mas não consegue evitar o gol. Avaí 1 x 0 Chapecoense. Aos 34 minutos Túlio tabela com Luiz Antonio, e a bola sobra para Arthur, que invade a área e cai. O atacante pede pênalti, mas arbitragem marca escanteio. Aos 36 minutos Chapecoense coloca a bola na área do Avaí. Diversos jogadores reclamam de bola na mão do Avaí. Bráulio da Silva Machado não marca. Aos 39 minutos Bráulio da Silva Machado expulsa Vinicius Eutrópio pela reclamação. Aos 45 minutos Lucas Mineiro arrisca de longe, e a bola passa perto do gol de Douglas. 3 minutos de acréscimos. Aos 46 minutos Grolli fura, a bola fica com Juan, que finaliza e exige boa defesa de Jandrei. Na sequência, a zaga afasta e a bola toca na mão do defensor da Chape. Assim acaba o primeiro tempo Avaí 1 x 0 Chapecoense.

Avaí

Segundo tempo:

Substituições: Sai Luiz António e entra Seijas na Chapecoense. Aos 9 minutos Arthur cobra escanteio no primeira pau, Wellington Paulista desvia de cabeça, e Betão salva em cima da linha. Quase o empate. Aos 10 minutos Arthur cobra novo escanteio no primeiro pau, Wellington Paulista desvia de cabeça e manda na quina da trave. Aos 17 minutos substituição: Sai Juan e entra Willians no Avaí. Aos 28 minutos, Apodi dá um chapéu em Capa, finaliza sem deixar cair e obriga Douglas a fazer uma grande defesa e Avaí responde rápido, Joel é lançado e Jandrei vai nos pés do camarônes para impedir a finalização. Na sobra, a zaga consegue o corte. Aos 31 minutos, substituição: Sai Lucas Mineiro e entra Canteros, que faz sua estreia com a camisa da Chapecoense, jogador que foi emprestado junto ao Flamengo. Aos 38 minutos, substituição: sai Wellington Simião e entra Lucas Otávio no Avaí. Aos 40 minutos, Maicon lança Willians, Jandrei sai de carrinho do gol para impedir a finalização. Aos 42 minutos substituição: sai Moisés e entra Júlio César na Chapecoense. Seis minutos de acréscimos. Aos 46 minutos contra-ataque do Avaí, mas Lucas Otávio fica em posição de impedimento. Assim acaba o jogo Avaí 1 x 0 Chapecoense.

ACF

Estatísticas:

Posse de bola: Avaí 41,1% x 58,9% Chapecoense.

Impedimentos: Avaí 6 x 0 Chapecoense.

Escanteios: Avaí 1 x 7 Chapecoense.

Chutes: Avaí 9 x 13 Chapecoense.

Chutes ao gol: Avaí 2 x 3 Chapecoense.

Bolas na trave: Avaí 0 x 1 Chapecoense.

Desarmes: Avaí 23 x 20 Chapecoense.

Total de passes: Avaí 321 x 446 Chapecoense.

Total de cruzamentos: Avaí 5 x 22 Chapecoense.

Faltas cometidas: Avaí 18 x 22 Chapecoense.

Cartões Amarelos: Avaí 4 (Fagner Alemão, Capa, Juan e Willians) x 5 (Fabricio Bruno, Reinaldo, Moisés, Wellington Paulista e Arthur) Chapecoense.

Gols: Avaí 1 ( Joel) x 0 Chapecoense.

Número de jogos 148
Vítórias da Chapecoense 53
Vitórias do Avaí 53
Empates 42
Número de gols 352
Gols marcados pela Chapecoense 168
Gols marcados pelo Avaí 185
Maior goleada Avaí 6-0 Chapecoense (Campeonato Brasileiro da Série C) – 28 de setembro de 1998
Última partida Avaí 1-0 Chapecoense (Campeonato Brasileiro de Futebol de 2017 – Série A) – 27 de agosto de 2017

Dados: https://pt.wikipedia.org/wiki/Confrontos_entre_Ava%C3%AD_e_Chapecoense_no_futebol

Avaí com a vitória ficou no Z-4 com 25 pontos mesmo número de pontos do Verdão que ficou à uma casa do Z-4.

Os times agora voltam a jogar apenas no dia 10 de setembro, um domingo. Enquanto o time de azul viaja até o Recife para encarar outro Leão da Ilha, o de Recife, às 16h, o Verdão recebe o Cruzeiro, às 19h. Mas na próxima sexta feira fará um amistoso contra Roma lá na Itália.

Relacionados para o amistoso:

Goleiros: Artur Moraes, Tiepo.

Laterais: Alan Ruschel, Roberto, Diego Renan.

Zagueiros: Fabrício Bruno, Grolli, Hiago.

Volantes  e Meias: Lucas Marques, Lucas Mineiro, Khevin, Moisés Gaúcho, Bryan, Dodô.

Atacantes: Rodrigo, Julio César, Lourency, Perotti.

O resto do time ficará em Chapecó focando no campeonato Brasileiro.

Deixe seu comentário:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.