Mercado do Futebol

Rueda diz que vê evolução do Flamengo, mas comenta: “30 segundos de comemoração”

O técnico Reinaldo Rueda mostrou-se satisfeito após a partida desta quarta-feira (20), na qual a equipe do Flamengo goleou a Chapecoense por 4 a 0. O time carioca se classificou para às quartas de finais da Copa Sul-Americana e o treinador colombiano notou evolução da equipe.

“Óbvio que a meta é a vaga na Libertadores e tem três caminhos, mas o Flamengo felizmente está melhorando a cada dia. Saber que é um caminho muito longo a Sul-Americana. Também temos a Copa do Brasil e o Brasileirão. Todos são muito intensos e espero que a gente siga se fortalecendo.” – disse Rueda.

Visando a decisão da Copa do Brasil, na próxima quarta (27), Rueda fala sobre ”controle mental”. Por isso pede que a comemoração referente a classificação para às quartas de finais da Copa Sul-Americana, seja breve.

”Creio que tranquilidade não existe. São 30 segundos de comemoração e já tem de assimilar que temos de pensar no próximo jogo. Temos de controlar a emoção, seguir construindo a equipe, fortalecendo, para todo o caminho que falta. Ainda falta a reta final da Copa do Brasil e do Brasileiro.” – completou o comandante.

Confira outros tópicos da entrevista de Rueda:

Busca por controle mental
Penso que devemos melhorar mais. O compromisso, o comprometimento do grupo… Cada jogo é mais difícil, mais exigente. E, para os objetivos que queremos, precisamos melhorar sempre. A Chapecoense era um rival muito difícil, empatou lá e venceu do Grêmio (pelo Brasileiro). Temos de ter controle mental para seguir para o Brasileirão no fim de semana e nos prepararmos para chegar em bom nível à Copa do Brasil .

Grande atuação de Cuéllar
O Cuéllar é muito inteligente. Dá ordem e qualidade. Vai crescer, porque tem o que melhorar. É uma boa dupla para Arão ou para Márcio. É muito gratificante para nós, para ele e para a equipe que siga nessa linha de comportamento.

Juan em evidência
Falar do Juan é falar de um jogador com uma grande experiência. Uma experiência grande. Uma grande condição técnica. Jogou dois Mundiais com a seleção brasileira e tem toda sua trajetória internacional. Para nós é muito bom ter a segurança que ele dá a equipe. Estamos cuidando, sabemos que temos de ter muito cuidado em todas as ordens para que sempre esteja à disposição.

Jogos diferentes em Chapecó e no Rio
Todos os jogos são diferentes, comparando o jogo de Chapecó com esse. Hoje, tivemos a sorte de fazer um gol rápido. A Chapecoense é uma equipe muito disciplinada, agressiva. Todo mundo teve um bom comportamento. O jogo em Chapecó também foi bom para nós. Hoje os gols nos deram tranquilidade e segurança para um segundo tempo mais tranquilo.

Deixe seu comentário:

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.